O Surrealismo Poético de Little Nemo

Atualizado: Out 15


A obra-prima de Windsor McCay completa 115 anos, sua primeira tira foi publicada em 15 de outubro de 1905.

As aventuras do pequeno Nemo começam no dia 15 de outubro de 1905 no jornal New York Herald, logo no primeiro quadro vemos o Rei Morpheus de Slumberland ordenando que um de seus Oomps traga Nemo para o Reino de Slumber, no decorrer da série descobrimos que Nemo foi convocado para ser um parceiro de brincadeiras da Princesa Camille.


A trajetória até Slumberland era constantemente interrompida, sempre com ele acordando no último quadro de cada tira, o que impediam Nemo de cumprir o seu objetivo chegar à Slumberland e conhecer a filha do Rei Morpheus.


Na época as aventuras surreais de Nemo não agradaram os leitores, que preferiam outros tipos de quadrinhos, com tons mais cômicos. O reconhecimento acontece mais tarde, ao final do século XX, com desenhos inigualáveis, lindas cores, diagramação que misturava art nouveau e moderno ganhou o status de um clássico da nona arte.


A obra criada pelo cartunista americano Windsor McCay é tão extraordinária e importante, que o Museu de Arte Moderna de Nova York solicitou à viúva e ao seu filho alguns originais para o seu acervo de arte.


Nemo, tenha bons sonhos!

8 visualizações

Assine a nossa Newsletter 

  • Facebook

O CCQ - Circuito Catarinense de Quadrinhos é um projeto multi plataformas que celebra o universo das Hqs, que conecta fãs de quadrinhos com artistas e criadores.

CCQ ® 2020. Todos os direitos reservados.